quarta-feira, 15 de outubro de 2008

Crime por detrás da duna

O nosso detective recebeu uma denuncia no final da tarde do Camelo residente, de que teria sido cometido um crime ecológico por detrás da única duna que sobreviveu no nosso deserto e que parece que ninguém a quer destruir. Longe de nós pensarmos que esta duna foi deixada de propósito para evitar os olhares indiscretos, enquanto era cometido o crime. Talvez seja mesmo só para construir uma rotunda ...

O Camelo andou a preparar-se para ir assistir ao jogo Portugal-Albania e quando deu por ela, o monstro das lagartas já tinha derrubado mais de uma dezena de sobreiros.

Amanhã depois de melhor observado, vamos fazer queixinhas a quem julgamos que defende esta espécie protegida por lei.
Leitura suplementar recomendada

2 comentários:

Anônimo disse...

não é facil derrubar mais de uma dezena de sobreiros num local onde só existiam 6... isto é só mais uma das suas pequenas mentiras que demonstram que a sua seriedade...

Robin disse...

Foi pena o comentário só aparecer agora, que já esta tudo derrubado e limpo. Eu nunca os contei mas sempre me pareceram muitos. Agora é chover no molhado. Ponto final.
Porque este blog tem actualmente 252 artigos, dos quais um está colocado em rascunho por questões de oportunidade e outro é flutuante - Suplemento Kultural e Recreativo do dia - sobram assim 250 artigos que estão permanentemente visiveis e que poucos visitantes os leram na totalidade.
Muitos passaram despercebidos, principalmente na época de mais calor por estas bandas - Janeiro de 2008.
Aconselho-o por isso a ver ou rever dois artigos dessa época que agora poderão ter outro sentido:
- http://fontedolavra.blogspot.com/2008/01/internet-versus-internet_07.html (1º artigo de uma triologia da qual o ultimo artigo foi colocado em rascunho),
- http://fontedolavra.blogspot.com/2008/01/resistncia-mudana_07.html.