sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

CSI Lavra - Episódio 5: Duh...

Sinopse:

Após o grande sucesso da série original, foi criada uma nova série nos mesmos formatos do CSI: Crime Scene Investigation.
CSI: Lavra é uma série de artigos num blogue, que apresenta o trabalho de investigação caseira de uma equipa em Setúbal. O seu primeiro caso (1ª Temporada) vai ser a análise de uma denuncia de publicidade enganosa.
A partir de hoje, a equipa de Robin, Detective Coelho e outros 'carolas' avulso, vão investigar este e outros casos misteriosos e muitas vezes inexplicáveis na ensolarada Cidade de Setúbal.

Temporada 1 - Episódio 5
Duh...

Tal como prometido, aqui estamos com o ultimo episódio desta mini-série. O titulo ilustra o que nos aconteceu durante a investigação preliminar, em que se procuravam provas irrefutáveis que sustentassem a nossa argumentação. Procurava-se no vasto arquivo de fotografias, que foram sendo tiradas ao longo do tempo, com o objectivo de preservar as memórias de tudo quanto por aqui se passou, quando um dos nossos seguidores que assistia a esta pesquisa, fez uma afirmação que nos surpreendeu a todos:

- Duh... Então ainda não repararam que no Outro Muro não tem janelas deste tipo!!! E a foto da esquerda também não foi tirada lá!!

E não é que tinha razão! O Outro Muro
(também conhecido por Edifício Encosta do Rio II, ou mesmo, edifício Tróia'Arrábida) tem somente janelas simples.

Foi u
m autêntico desperdício de recursos, andar a fazer alinhamento de candeeiros de iluminação e árvores, identificar navios, etc. Por vezes as coisas são simples e nós é que as complicamos.
Os ideólogos deste blogue aproveitaram logo esta deixa, para enriquecer o enredo desta mini-série e criar mais um episódio.

Nesta imagem inédita, tirada a 19/04/2009, podemos ver as janelas das salas dos apartamentos da fachada sul do bloco numero 2 do 'Muro' da Vergonha, que são do tipo das apresentadas na página de uma revista publicitária de uma qualquer imobiliária portuguesa. Em mais nenhuns apartamentos destes dois mamarrachos que construíram neste pacato bairro da Cidade de Setúbal, existe este tipo de janela.

Quem é responsável por este engano monumental? Desconhecemos totalmente, pois também não fazemos a menor ideia de quem é o responsável pelo conteúdo do anuncio, sabendo somente quem foi o responsável pela sua divulgação.
O que não deixará de ser, por mais voltas que se dê ao assunto, é um caso sério de publicidade enganosa.
Fim!

Um comentário:

vmsrosa disse...

Espectacular investigação! Podiam "passar" umas das técnicas à nossa PJ, sem desprimor...